Informação sobre catapora, causas, sintomas e tratamento da catapora, identificando formas de a diagnosticar e classificar.


Transmissão e incubação da catapora

A catapora se transmite por intermédio do contato direto com secreções das lesões vesiculares e da nasofaringe da pessoa infectada. A porta de entrada habitual é a mucosa do trato respiratória superior. A infecção ocorre por inalação de gotículas das secreções respiratórias ou de aerossóis nos quais se encontram os vírus liberados das lesões cutâneas dos doentes. Há possibilidade de transmissão a partir de objetos (fômites) recém contaminados com secreções mucosas ou cutâneas.
O período de incubação é de 10 a 21 dias, sendo, em média, 14 dias.
A transmissibilidade ocorre um a dois dias antes do aparecimento das vesículas, até cinco a seis dias depois, enquanto houver a presença de lesões úmidas. O período de transmissibilidade é mais prolongado em pessoas imunodeprimidas, como, por exemplo, pacientes de câncer e aids.
ACOMPANHE OS ARTIGOS DO BLOG NO SEU EMAIL