Informação sobre catapora, causas, sintomas e tratamento da catapora, identificando formas de a diagnosticar e classificar.


quinta-feira, 17 de dezembro de 2015

O que é catapora

A catapora (ou varicela) é uma doença muito contagiosa causada por um vírus chamado Varicela zoster. Essa doença é uma das mais comuns na infância, principalmente porque só se pega catapora uma vez. A principal característica desta doença é deixar o corpo coberto de pintinhas vermelhas, essas pintinhas começam no tronco da criança, espalhando-se rapidamente para o rosto, braços e pernas podendo se espalhar para dentro da boca, do nariz, das orelhas e de outros orifícios do corpo da criança. Depois de um tempo as pintinhas vermelhas se transformam em pequenas bolhas de água que, quando começam a cicatrizar de 4 a 5 dias, formam ‘casquinhas’ e caem. Quando estas pequenas feridas são coçadas infeccionam e deixam na pele cicatrizes permanentes, isto é, não somem jamais. Além disso, a criança tem febre alta, bastante coceira na pele, cansaço, cefaléia (dor de cabeça) e perda de apetite. Uma criança pode pegar catapora se estiver no mesmo local que outra criança infectada pois o vírus está presente na saliva e, quando a criança infectada tosse e espirra, joga no ar minúsculas bolhas de saliva da nossa boca. Quando uma criança saudável inspira, o ar vem contaminado para dentro do corpo e, então, se contrai a doença. Pode-se contrair a doença através do contato direto com a criança infectada, geralmente através da secreção das bolhas. Uma criança com catapora pode espalhar a doença para outras 1 a 2 dias antes do surgimento da erupção, ou até que todas as bolhas tenham secado, possivelmente depois de 10 dias.
Não existe um remédio específico para tratar a catapora. O que se deve fazer é repousar, ingerir bastante líquido e principalmente, evitar coçar as feridas para não infeccionar.
A recuperação dura de 7 a 10 dias. A catapora pode ser prevenida com vacina.

A imunização contra a catapora

A imunização contra a varicela pode ser alcançada com uma das duas vacinas. A primeira é uma imunização combinada contendo vacinas contra sarampo, caxumba, rubéola e varicela (MMRV). A segunda é a vacina contra a catapora, que imuniza apenas contra a catapora.

Outras pessoas para as quais é recomendada a imunização contra a catapora são as pessoas que em testes de sangue se verifica não terem nenhuma proteção para a catapora ou que não tenham sido vacinadas contra a varicela.

Estes grupos de risco incluem:
- pessoas em ocupações de alto risco, como profissionais de saúde, professores e educadores de infância;
- mulheres antes da gravidez, para evitar a catapora congênita ou neonatal;
- mulheres imediatamente após o parto
- pais de crianças pequenas
- pessoas que compartilham uma casa com alguém que não tem a imunidade.



ACOMPANHE OS ARTIGOS DO BLOG NO SEU EMAIL